quarta-feira, 23 de novembro de 2016

Extorsão na luz do dia

Tramitam no Senado alguns projetos que podem trazer alívio aos milhões de brasileiros que estão sufocados com suas faturas de cartão de crédito. De acordo com relatório recente do Banco Central, a taxa de juros para cartão de crédito ultrapassa os estratosféricos 500% ao ano. E isso em um país no qual a taxa básica de juros, a Selic, que é a referência para operações de crédito, está em 14%. Como pode a taxa Selic ser de 14% e os juros de cartões de crédito e cheque especial passarem dos 500%? Além de um abuso, esse patamar de juros é cruel e até mesmo criminoso. O poder público não pode continuar de braços cruzados enquanto os bancos e instituições financeiras arrancam o couro dos brasileiros. O Congresso precisa aprovar esses projetos que limitam os juros cobrados no país.

0 comentários:

Postar um comentário

Regras do site:


Não serão aceitos comentários que:

1. Sejam agressivos ou ofensivos, mesmo que de um comentarista para outro; ou contenham palavrões, insultos;

2. Não tenham relação com a nota publicada pelo Site.

Atenção: só serão disponibilizados no site os comentários que respeitarem as regras acima expostas.