Blog Paulo José

Lascando a madeira nos pombos sujos

POSTO PRIMAVERA EM CAMACAN

COMBUSTÍVEIS DE QUALIDADE, POUSADA E RESTAURANTE COM A MELHOR PICANHA NA PEDRA.

O MELHOR VOCÊ ENCONTRA AQUI

LIGUE E CONTRATE NOSSOS SERVIÇOS DE PRIMEIRA QUALIDADE

ANUNCIE AQUI

QUEM NÃO É VISTO, NÃO É LEMBRADO!

segunda-feira, 15 de janeiro de 2018

PROCURADA PELO NOSSO BLOG,IRMÃ DE SEU NARCISO JÁ ENTROU EM CONTATO COM ELE E IRÁ AO SEU ENCONTRO

Fomos procurados pelo seu Rom,morador de Canavieiras que,ao se deparar com a situação do seu Narciso,entrou em contato conosco,pedindo ajuda,afim de localizar a senhora Lindalva Moreira,irmã do paciente Narciso,que sofre acamado em hospital da cidade e,vivia em busca da irmã.Na manhã de desta segunda-feira (15),o benevolente Rom,informou à nossa reportagem que dias após a divulgação do caso em nosso blog ,a família havia comunicado que iria ao encontro de seu Narciso.
RELEMBRE O CASO AQUI

Homem é preso com pistola durante festa de São Sebastião em Camacan

Janilton de Aquino Torres, 38 anos, residente em Guarulhos/SP, foi preso por policiais do Peto do 62° Cipm de Camacan. Com ele a polícia apreendeu uma pistola Bersa, numeração 14439, com sete cartuchos intactos, calibre 22. 
A prisão aconteceu na Rua 2 de Julho, circuito da festa do padroeiro de São Sebastião,em Camacan,na noite do último domingo (14),por volta das 10:20 h. 

O acusado foi conduzido para delegacia local e deve responder pelo crime de porte ilegal de arma de fogo.

Detento encontrado morto dentro do presídio de Itabuna foi assassinado

O interno do Conjunto Penal de Itabuna, Tiago Sena Oliveira, de 28 anos, encontrado morto no interior da cela 3, no pátio 1 do presídio, foi vítima de homicídio. Tiago foi encontrado com um corda no pescoço e apresentava um sangramento na boca, aparentando ter cometido suicídio. Porém, foi constatado pela Polícia Civil que a vítima havia sido assassinada pelos colegas de cela.
De acordo com informações policiais, Tiago estava em uma cela com mais sete detentos que não faziam mais parte das facções criminosas de Itabuna e região. Por isso eles estavam em uma cela separada. Ainda de acordo com informações, seis dos sete detentos chegaram a declarar que mataram Tiago porque ele avançou contra eles e os ameaçou. Tiago já foi membro da facção DMP, em Itabuna.

Morre homem com febre amarela

Alerta. Um homem de 49 anos, com febre amarela, transferido da Cidade de Itaberaba, na Chapada Diamantina, para Salvador, acabou morrendo no domingo, dia 14/1. A informação foi confirmada pela prefeitura municipal de Itaberaba, por meio de nota. 
“Infelizmente, o paciente com febre amarela transferido daqui para Salvador não resistiu e faleceu no fim da tarde desse domingo. Lamentamos muito a perda dos familiares. A prefeitura de Itaberaba está à disposição da família para qualquer necessidade”, informa trecho da nota oficial. 

Segundo a Secretaria da Saúde da Bahia (SESAB), o homem chegou à Cidade de Itaberaba no dia 5 de janeiro, já com os sintomas da doença. A SESAB informou ainda que trata-se de um caso importado, já que o rapaz começou a apresentar os sintomas no dia 2 de janeiro, antes de chegar à Bahia, quando estava em São Paulo.

Canavieiras:Cliente ganha moto no Alana

A lojista Elvira Dantas Carvalho, do setor de artesanato/moda praia/ decoração, foi a ganhadora da primeira moto sorteada pelo Hiper Alana.
   A ganhadora Elvira e o gerente de compras do Hipermercado Alana Marcos Cigano
Em abril o Alana sorteará um carro zero km e, até lá, outra moto e mais geladeira, televisor, microondas e fogão.
A campanha “No Alana você ganha” tem sorteios de 15 em 15 dias, com vários clientes já tendo sido premiados.
É a maior campanha promocional já feita em Canavieiras, com os clientes tendo direito a cupom a cada 100 reais em compras.

O cliente Alana concorre também aos prêmios da campanha da CDL, que a 27 próximo sorteará três motos e vários outros prêmios.

sábado, 13 de janeiro de 2018

COLÔNIA DE UNA :Moradores cobram melhorias e ampliação da iluminação pública no distrito;Você Repórter

Cansados de esperar por uma ação enérgica da prefeitura do município de Una, no sul da Bahia,moradores da Rua Nova ,procuraram o nosso Blog,para reclamarem da falta de iluminação pública em diversos pontos da localidade, um desses lugares afetados, fica próximo a Igreja Assembleia Guerreiros de Jesus.
               Foto enviada por moradora ao nosso WhatsApp 73 9 9941-5577
A falta de iluminação pública vem deixando os moradores cada vez mais apreensivos. Os postes até existem, porém poucos possuem luminárias e muitas estão queimadas.E o temor dos moradores é referente aos assaltos que vem acontecendo frequentemente na região. “Faltam lâmpadas em um grande espaço, então fica tudo escuro e a gente fica com medo, sem saber o que fazer”, contou uma moradora que não quis revelar o nome.Além dos trabalhos diários, José (nome fictício) espera todos os dias na entrada do bairro por sua mulher, que chega do trabalho a noite. “Eu fico esperando a minha esposa chegar. Ela vem de carro, mas mesmo assim a gente ainda fica com medo. E se ela entrar no bairro e um bandido chegar e assaltar. A insegurança é muito grande”, lamentou.
Para usar o transporte coletivo muitos moradores aguardam às margens da rodovia. Local que não possui iluminação adequada ou sinalização.Ainda de acordo com José* “a maioria dos moradores pega o ônibus aqui, e quando desce do ônibus o povo sai tudo correndo, mulher, criança, e isso é todo dia e,principalmente quando tem aulas ou cursos na cidade. Se ficar aqui dá dó de ver o pessoal descendo correndo e com medo,para chegar em casa sem ser assaltado”.Questionado sobre o acionamento dos órgãos públicos para sanarem os problemas de iluminação no bairro, tanto sobre a troca dos equipamentos queimados, quanto a instalação de mais luminárias, Maria* declarou com insatisfação. “Mas a gente liga e eles [prefeitura] não dão resposta para a gente, não resolvem nada”.
TAXAS
O presidente da Comissão de Direito do Consumidor, da Associação dos Advogados do Centro-Oeste de Minas Gerais (AACO), Eduardo Augusto Silva, explicou que se próximo à residência não houver nenhuma iluminação, o consumidor pode solicitar o cancelamento da cobrança da taxa de iluminação pública. “Nos casos em que consumidores não tenham iluminação pública em sua rua, na porta de sua casa entendemos que não é justo e igualitário que pague o mesmo valor do contribuinte que tem todo serviço em sua rua, em seu bairro. Até porque a ausência de iluminação pública na rua e/ou à porta da residência gera insegurança, incômodo e ainda contribui para prática de crimes de todo tipo, além de transtornos a cada transeunte quando passa por ruas escuras”.
SE VOCÊ tem alguma denúncia e foto,colabore com a reportagem do BLOG PAULO JOSÉ e envie seu material para o e-mail: fvpaulojose@gmail.com OU WhatsApp 73 9 9941-5577

Recepção no Clube da Rola Cansada

Estão em visita à cidade Raimundo Cândido, 87 anos, canavieirense adotivo hoje morando em Itabuna, e Altamirando Almeida Dórea, o Miranda, 81, canavieirense de nascimento que mora há 50 anos em Salvador.
Eles foram servidores dos Correios em Canavieiras décadas atrás e depois tornaram-se representantes comerciais. Muito amigos, Raimundo e Miranda costumam vim todos os anos para os festejos do padroeiro São Boaventura, em julho.
Este ano, excepcionalmente, eles vieram também participar do cortejo da levada do mastro de São Sebastião e devem ficar na cidade até o Carnaval, cumprindo até lá uma gorda agenda de compromissos etílicos com amigos.
Ontem, Raimundo e Miranda foram recebidos durante reunião ordinária do Clube da Rola Cansada, no Bar do Bené, no Rapapau. Neste sábado os dois devem participar de reunião etílico-recreativa-cultural da Confraria do Berimbau.

Na foto de abertura, a partir da esquerda, Tyrone, Miranda, Waldir de Roxinho, Raimundo Cândido, Nelson Amarelão, Walmir Rosário e Bené.
Tabu Online

O que vai pela política de Canavieiras – 11

Beija-mão ontem e hoje 
No tempo de Paulo Souto governador, os prefeitos vinham a Canavieiras para o beija-mão na tentativa de descolar uma verbinha, um conveniozinho… 
Dr. Paulo passava aqui os fins de semana prolongados, lendo muito e fazendo caminhadas ao lado do amigo e então futuro prefeito Zairo Loureiro. 
Nos dias de hoje os prefeitos continuam vindo para o beija-mão, agora de poderoso empresário que mora à beira-mar, na ilha de Atalaia. 
Força de expressão 
Foi despacho para arquivo o plano do médico Juarez das Mercês de ser prefeito. Mas meus ideais de prestar serviço público ao povo continuam vivos, proclama. 
Ele garante que se vitorioso na campanha de 5 anos atrás, teria atacado questões vitais para transformar estruturas e gerar o tão sonhado desenvolvimento social e econômico. 
Ante tais considerações, dizer que foram para o arquivo os planos de ser prefeito do Dr. Juarez talvez seja só força de expressão. 
Eleições em 90 dias 
Pode ser na segunda quinzena de fevereiro, logo depois do Carnaval, a apreciação final pelo Tribunal de Justiça da ação que pede a nulidade do diploma de prefeito do Dr. Almeida. 
Voltaremos à tradicional convulsão política, típica dos períodos pré-eleitorais, já que em 90 dias teríamos nova eleição, no caso de êxito da ação. 
Almir, Edmo Pipi, Edmar, Medradinho, Nilton, Dr. Juarez, Dr. Dácio… Quem entre eles se digladiariam nas urnas? 
Se é bom lá, é bom cá 
É de um analista do contra a observação de que “esse tal Governo Ser Humano é chegado a ser ‘do povo, pelo povo, para o povo’, como queria o Abraham Lincoln”. 
O letrado invocou antigo lema muito caro aos gringos para admitir, se bem que a contra-gosto, que “o tal Ser Humano”, popularíssimo, vem produzindo homéricos estragos nos terreiros oposicionistas. 

Parece ser o caso de se dizer que a gestão do Dr. Almeida está sendo aprovada até pela Oposição.

sexta-feira, 12 de janeiro de 2018

Potiraguá:Prefeitura fará doação de terrenos e povo vê sonho realizado

Aproximadamente 900 famílias serão assentadas no município de Potiraguá, município da região centro sul da Bahia,além dos títulos de posse, o governo municipal vai buscar junto aos órgãos de apoio à construção civil,o apoio necessário para que essas pessoas possam tão logo realizar o sonho da casa própria.Para o recebimento do direito, diversas  famílias estão sendo analisadas.
              Área adquirida e que logo será povoada com diversas famílias e suas casas
 Os lotes passaram por vistorias dos agentes das  secretarias municipais de administração e ação social para constatação dos requisitos necessários no encaixe das famílias no programa. 
“Estou me sentindo realmente muito feliz, esperava há mais de 21 anos por esse momento”,comemora,Zé Costa.Agora,como futuro proprietário, ele diz que pretende investir na terra. 

Com o investimento pelo governo municipal, o prefeito Jorge Cheles,diz que é um dos maiores sonhos de sua vida. “Estamos muito felizes com a oportunidade de contribuir para o crescimento da cidade. É um marco para Potiraguá que se torna cada vez mais justa”, destacou o prefeito e,por fim,disse’’essa doação faz parte do nosso compromisso com a melhoria da qualidade de vida das pessoas do município.’’

PM prende criminosos em Itabuna e recupera arma tomada em assalto em Canavieiras

Três indivíduos foram presos por policiais da Rondesp e da Ceto, na noite desta quinta-feira (11), no Loteamento Gegeu Rocha, bairro Fonseca, em Itabuna. Foram eles: Valdeir Alves da Silva, 22 anos; Sérgio Felipe, 25 anos; e Jefferson Ribeiro dos Santos, 21 anos. 
Eles são suspeitos de tomar de assalto uma pistola 640 de um policial na cidade de Canavieiras no início desse ano. De acordo com informações, a polícia estava fazendo ronda de rotina quando avistou Jeferson e Valdeir em atitude suspeita. Ao fazer a abordagem, foi encontrado com Valdeir a pistola 640 do policial. 
Ainda em diligência na localidade, a polícia apreendeu Sérgio Felipe. Com os indivíduos a polícia apreendeu drogas, uma balança de precisão, uma quantia em dinheiro e um som automotivo completo. Todo os indivíduos e o material apreendido foram apresentados no Complexo Policial de Itabuna.

FOTOS REVELAM O TAMANHO DA FESTA DE SÃO SEBASTIÃO EM CANAVIEIRAS;Confira

O cortejo do antigo Porto Grande até a Praça da Capelinha aconteceu com grande acompanhamento, especialmente de grupos culturais e folclóricos, além de filarmônicas. 
Também participaram do cortejo a deputada evangélica Angela Souza e várias outras autoridades, entre as quais o prefeito Dr. Almeida, vereadores e secretários municipais. 
A praça esteve lotada até após a meia-noite, com o povo se divertindo ao som de bandas musicais. Veja flagrantes da festa pelas lentes do fotógrafo Genivaldo Santos. 



                                           FILARMÔNICA LYRA DO COMÉRCIO
                                                      GRUPO MUSICAL 02 DE JANEIRO

























Canavieiras:LEVADA DO MASTRO DE SÃO SEBASTIÃO FOI UM SUCESSO

Mais uma vez Canavieiras manteve a tradição conduzindo o Mastro de São Sebastião com festa, fé e devoção. Agora, segundo o legado cultural, a cidade terá mais um ano de tranquilidade e prosperidade. A Levada do Mastro de São Sebastião foi realizada nesta quinta-feira (11), saindo do Cais do Porto, no Sítio Histórico até a Praça da Capelinha, o cortejo com o Mastro, ou o “Pau de Bastião”, como é comumente chamado pela população, percorreu as principais ruas da cidade, com muita festa, alegria e devoção.
À frente do cortejo, o Estandarte com a foto de São Sebastião, seguido do prefeito Dr. Almeida e autoridades políticas. Logo atrás, uma grande multidão formada pela população e visitantes, por último o Mastro de São Sebastião, levado nos braços dos “carregadores”. 
Enfeitado com folhas de mangues, reza a lenda que às pessoas de fé bastam retirar uma daquelas folhinhas e guardar na carteira para que não tenham problemas financeiros durante todo o ano.As folhas também são tidas como miraculosas e “servem” para curar os mais diversos tipos de males que acometem os fiéis. 
A prefeitura contratou bandas Gero Lima e Toma Swiingão para animar os festejos, após o mastro ser erguido na Praça da Capelinha. 
Atalaia – Nesta sexta-feira (12), festejos a São Sebastião foram iniciados no bairro da Ilha da Atalaia, com uma celebração eucarística da palavra na Igreja de Santo Antônio da Atalaia. Em seguida os homens se dirigiram ao mangue para cortar dois mastros. Diferentemente do que ocorre em outros locais, na Atalia são hasteados dois mastros: um para os adultos e outro para as crianças, como manda a tradição. Os mastros são enfeitados e levados para a Praça da Igreja, onde são erguidos. 
Em Canavieiras, a Puxada do Mastro de São Sebastião remonta um passado de 150 anos, e a festa movimenta milhares de pessoas no cortejo do Cais do Porto à praça da Capelinha. Em volta do local onde o mastro é fincado são armadas barracas de comidas e bebidas. Apesar do cortejo da Puxada do Mastro ser considerada uma festa profana, muitas pessoas a acompanham com o sentido religioso, além de participarem da novena realizada na Capela de São Sebastião. 
 Como tudo começou 
A da Puxada do Mastro de São Sebastião  começou há cerca de 150 anos, com uma história de uma família – pai, mãe e um casal de filhos – que veio morar em Canavieiras. Como não encontrou emprego nas roças de cacau, ele resolveu procurar uma área para morar, encontrando-a próximo onde hoje é o bairro da Birindiba. 
Na nova casa, mãe e filho foram acometidos pela lepra, morrendo em seguida. Depois foi a vez do chefe da família, que também contraiu essa terrível doença, à época tida como sem cura. Numa noite, enquanto a filha esquentava água para o pai tomar banho teve uma visão. Ela via um homem todo perfurado por flechas, amarrado a uma árvore, que lhe dizia: “Tire as folhas da árvore e faça um chá para seu pai beber. Também coloque na água do banho que ele ficará bom”. 
Imediatamente ela contou ao pai e como não sabia qual das três árvores em frente a casa – amescla, arueira e sete cascos – resolveu juntar as três e atender ao pedido. Isso era o dia 11 de janeiro e já no dia 20, o pai se levantou da cama e a terrível doença foi erradicada de Canavieiras, para surpresa da população. 

Com saúde, ele arranjou trabalho numa fazenda vizinha e no dia 11 de janeiro seguinte pediu uma folga ao patrão para pagar a promessa. Entrou na mata, cortou um pau, ornamentou com folhas e arrastou pelas ruas da cidade, até as imediações da Capelinha, hasteando o pau. Nos anos seguintes, ele voltou a realizar a puxada, que se tornou tradição na cidade. Com o passar do tempo ele comprou a propriedade em que trabalhava e se tornou um próspero fazendeiro.





Fonte/Costa Sul