sábado, 9 de julho de 2016

Exército é multado pela morte da onça Juma

Créditos: Reprodução
O Instituto de Proteção Ambiental do Amazonas (Ipaam) informou que o relatório técnico sobre a morte da onça Juma, morta durante o revezamento da tocha olímpica em Manaus, foi concluído. O órgão determinou uma multa de R$ 40 mil ao Exército por falhas em procedimentos que resultaram no abate do animal.

A onça, que era mascote do 1º Batalhão de Infantaria de Selva (BIS), foi morta por um soldado no dia 20 de junho, após exposição no evento. Ela foi baleada depois de escapar da coleira que a prendia e avançar contra um militar. O caso ocorreu no momento em que ela era transportada para a jaula.

As multas estão baseadas na Lei de Crimes Ambientais 9.605/ 1998 e no Decreto 6.514/2008. O Exército pode recorrer da decisão.

0 comentários:

Postar um comentário

Regras do site:


Não serão aceitos comentários que:

1. Sejam agressivos ou ofensivos, mesmo que de um comentarista para outro; ou contenham palavrões, insultos;

2. Não tenham relação com a nota publicada pelo Site.

Atenção: só serão disponibilizados no site os comentários que respeitarem as regras acima expostas.