terça-feira, 7 de junho de 2016

Feijão sente a estiagem e preço dispara

O preço do quilo do feijão disparou nos últimos 30 dias nos mercados, hipermercados, mercearias e feiras livres do sul da Bahia. O reajuste no quilo do produto varia entre 50% e 90% em municípios como Itabuna, Ilhéus, Coaraci e Camacan,esta última o preço do feijão pode ser comprado até 12 reais um quilo.
No início de maio o preço do feijão variava entre R$ 4 e R$ 6. Nesta segunda-feira o quilo do produto está variando entre R$ 7 e R$ 9,50 nos estabelecimentos comerciais desses municípios.Os comerciantes alegam que tiveram que repassar reajustes aplicados pelos produtores e distribuidores. Já os agricultores informam que tiveram que aumentar os preços para compensar as perdas com a seca nas regiões produtoras.De acordo com o governo do estado, já são 147 municípios na Bahia em situação de emergência. A grave seca já afeta cerca de 1,7 milhão de pessoas no estado. Somente no sul da Bahia são mais de 600 mil.

0 comentários:

Postar um comentário

Regras do site:


Não serão aceitos comentários que:

1. Sejam agressivos ou ofensivos, mesmo que de um comentarista para outro; ou contenham palavrões, insultos;

2. Não tenham relação com a nota publicada pelo Site.

Atenção: só serão disponibilizados no site os comentários que respeitarem as regras acima expostas.