quarta-feira, 16 de setembro de 2015

Bancários podem entrar em greve no fim do mês

Sem avanço nas negociações, bancários baianos podem parar as atividades no final de setembro, de acordo com o presidente do sindicato da categoria (Sindbancários), Augusto Vasconcelos. “Estão previstas mais duas rodadas de conversa nesta semana e na próxima, mas até agora os bancos não apresentaram proposta para seus funcionários. Estamos construindo uma provável paralisação para o final deste mês ou início de outubro”, disse Vasconcelos, em contato com o Bocão News, na manhã desta quarta-feira (16).
A categoria reivindica 16% de reajuste salarial, melhor participação nos lucros e resultados, ampliação de contratações e fim de demissões, melhorias relacionadas à saúde dos funcionários e segurança das agências, condições de atendimento aos clientes como o cumprimento da lei dos 15 minutos, e redução de juros e tarifas.
Segundo o presidente do Sindbancários, o movimento é nacional e a paralisação deve ocorrer de forma unificada. “A data será amplamente divulgada para que a população não seja surpreendida”, alertou Vasconcelos. Ele ressaltou que, este ano, o sindicato já coordenou mais de 200 manifestações em Salvador e Região Metropolitana, além de visitar mais de 1 mil agências em todo o estado nos últimos três meses.
“Apesar da crise, os bancos continuam sendo o setor mais lucrativo. Só no primeiro semestre deste o lucro foi de R$ 34 bi. O setor tem condições de atender às demandas de seus funcionários”, concluiu. A reportagem aguarda posicionamento da Federação Nacional dos Bancos (Fenaban) sobre o andamento das negociações.

0 comentários:

Postar um comentário

Regras do site:


Não serão aceitos comentários que:

1. Sejam agressivos ou ofensivos, mesmo que de um comentarista para outro; ou contenham palavrões, insultos;

2. Não tenham relação com a nota publicada pelo Site.

Atenção: só serão disponibilizados no site os comentários que respeitarem as regras acima expostas.