terça-feira, 26 de abril de 2016

CRISE FAZ DESABAR CACHÊS DE MÚSICOS

Wesley Safadão foi dos que mais sentiram, segundo colunista.
Wesley Safadão foi dos que mais sentiram, segundo colunista.
Números divulgados pelo colunista Ricardo Feltrin, do Portal Uol, revelam o efeito da crise também no mundo artístico. Músicos que antes cobravam até R$ 800 mil por show, a exemplo de Wesley Safadão, foram forçados a se adaptar aos tempos bicudos. Safadão viu o cachê despencar de R$ 800 mil para até R$ 200 mil.
O Rei Roberto Carlos, que completou 75 anos no final de semana, também sentiu. Os shows estão saindo por R$ 750 mil agora, conforme o colunista. Antes, era R$ 1 milhão em média. Confira alguns números, conforme apurado por Feltrin.
Roberto Carlos
R$ 1 milhão
Agora: R$ 750 mil
Redução de 25%
Wesley Safadão
Entre R$ 500 mil e R$ 800 mil
Agora: R$ 200 mil
Redução entre 60% e 75%
Jorge & Mateus
R$ 400 mil
Agora: R$ 320 mil
Redução de 20%
Ivete Sangalo
R$ 350 mil
Agora: R$ 250 mil
Redução de 28,5%
Claudia Leitte
R$ 300 mil
Agora: R$ 175 mil
Redução de 41,6%
Gusttavo Lima
R$ 320 mil
Agora: R$ 220 mil
Redução de 31,25%
Fernando & Sorocaba
Entre R$ 250 mil e R$ 300 mil
Agora: R$ 150 mil
Redução entre 40% e 50%
Victor & Leo
Entre R$ 240 mil e R$ 280 mil
Agora: R$ 110 mil
Redução entre 54,1% e 60,7%
Luan Santana
R$ 200 mil
Agora: R$ 160 mil
Redução de 20%

Paula Fernandes
R$ 150 mil
Agora: R$ 120 mil
Redução de 20%
Anitta
R$ 80 mil
Agora: R$ 40 mil
Redução de 50%
Nando Reis
R$ 65 mil
Agora: R$ 35 mil
Redução de 46,1%
Naldo Benny
R$ 30 mil
Agora: R$ 6 mil
Redução de 80%

0 comentários:

Postar um comentário

Regras do site:


Não serão aceitos comentários que:

1. Sejam agressivos ou ofensivos, mesmo que de um comentarista para outro; ou contenham palavrões, insultos;

2. Não tenham relação com a nota publicada pelo Site.

Atenção: só serão disponibilizados no site os comentários que respeitarem as regras acima expostas.