domingo, 2 de agosto de 2015

ESPEREI ATÉ ÀS 2:36 DA MADRUGADA PARA ASSISTIR 34 SEGUNDOS

Ronda Rousey Bethe Correia UFC Rio UFC 190 MMA (Foto: André Durão)Ronda Rousey troca golpes com Bethe Correia na luta principal do UFC Rio 7 (Foto: André Durão)
Ainda não descobriram a receita para parar Ronda Rousey. A confiança de Bethe Correia no período anterior ao combate não foi o suficiente para acabar com o domínio da americana na divisão feminina dos galos (até 61kg). A campeã precisou de apenas 34 segundos para liquidar a brasileira por nocaute, na luta principal do UFC Rio 7, na madrugada deste sábado para domingo. Mesmo no país da adversária, a campeã conquistou o apoio dos fãs após mais um triunfo impressionante na sua carreira.
Ronda Rousey Bethe Correia UFC Rio UFC 190 MMA (Foto: André Durão)Ronda parte para cima de Bethe Correia antes de desferir os golpes finais que nocautearam a brasileira (Foto: André Durão)
Esta foi a 12ª vitória de Rowdy na carreira, em 12 combates. A 11ª que termina no primeiro assalto. Apenas Miesha Tate, sua próxima rival, foi capaz de passar dos primeiros cinco minutos de combate. Após comprovar sua superioridade, Ronda teve seu nome gritado e foi muito festejada pelo público na Arena da Barra.  Somando seus últimos três combates, foram apenas 64 segundos dentro do octógono.
- Eu espero que ninguém mais fale de família. Espero que essa seja a última vez - disse Ronda, voltando a alfinetar Bethe. Ela ainda falou português e levou o público ao delírio, antes de sair acenando para os fãs com seu cinturão.
Ronda foi com tudo logo de cara. Jabs poderosos e uppercuts no clinche. Bethe se desequilibrou, deu uma cambalhota para trás e ficou de pé. O combate foi para a grade, e Rowdy disparou um direto de direita potente que fez a brasileira desabar. Não precisava mais nada. A campeã apenas olhou com desdém, soltou uma provocação e foi comemorar com a sua equipe. Ainda não há adversária para Ronda Rousey.
Confira os resultados completos do UFC Rio 7:
UFC 190
1 de agosto, no Rio de Janeiro (RJ)
CARD PRINCIPAL
Ronda Rousey venceu Bethe Correia por nocaute aos 34s do R1
Mauricio Shogun venceu Rogério Minotouro por decisão unânime (triplo 29-28)
Glaico França venceu Fernando Açougueiro por finalização aos 4m46s do R3
Reginaldo Vieira venceu Dileno Lopes por decisão unânime (29-28, 30-27, 30-27)
Stefan Struve venceu Rodrigo Minotauro por decisão unânime (triplo 30-27)
Antônio Pezão venceu Soa Palelei por nocaute técnico aos 41s do R2
Cláudia Gadelha venceu Jessica Aguilar por decisão unânime (triplo 30-27)
CARD PRELIMINAR
Demian Maia venceu Neil Magny por finalização aos 2m52s do R2
Patrick Cummins venceu Rafael Feijão por nocaute técnico aos 45s do R3
Warlley Alves venceu Nordine Taleb por finalização aos 4m11s do R2
Iuri Marajó venceu Leandro Issa por decisão unânime (29-28, 29-28, 29-27)
Vitor Miranda venceu Clint Hester por nocaute técnico aos 2m38s do R2
Guido Cannetti venceu Hugo Wolverine por decisão unânime (triplo 29-28)

0 comentários:

Postar um comentário

Regras do site:


Não serão aceitos comentários que:

1. Sejam agressivos ou ofensivos, mesmo que de um comentarista para outro; ou contenham palavrões, insultos;

2. Não tenham relação com a nota publicada pelo Site.

Atenção: só serão disponibilizados no site os comentários que respeitarem as regras acima expostas.