quinta-feira, 13 de dezembro de 2018

Símbolo no combate à ditadura, Eunice Paiva morre aos 86 anos


Símbolo da luta contra a ditadura militar, Eunice Paiva morreu nesta quinta-feira (12), em São Paulo, aos 86 anos. Ela lutava contra o Mal de Alzheimer. Também nesta quinta-feira, que o AI 5,símbolo da repressão às liberdades e cerceamento de direitos, completa 50 anos. 
  Foto: Reprodução/Instituto Vladimir Herzog
Eunice foi mulher de Rubens Paiva, ex-deputado cassado em 1964 e desaparecido após ser preso, torturado e assassinado por militares no Rio de Janeiro, no início de 1971.A luta de Eunice na busca por informações do paradeiro do marido foi lembrada por um dos filhos do casal, Marcelo Rubens Paiva, no livro “Ainda Estou Aqui”, lançado em 2015.
SE VOCÊ tem alguma denúncia ou algo importante  e quer contar pra todos,colabore com a reportagem do BLOG PAULO JOSÉ e envie seu material para o e-mail: fvpaulojose@gmail.com

ADICIONE nosso WhatsApp 73 9 9941-5577

0 comentários:

Postar um comentário

Regras do site:


Não serão aceitos comentários que:

1. Sejam agressivos ou ofensivos, mesmo que de um comentarista para outro; ou contenham palavrões, insultos;

2. Não tenham relação com a nota publicada pelo Site.

Atenção: só serão disponibilizados no site os comentários que respeitarem as regras acima expostas.