quarta-feira, 15 de março de 2017

Camacanense é morta a tiros no bairro Pedro Jerônimo em Itabuna

Rosimaria Lemos de Sousa, 24 anos, natural de Camacan, foi assassinada com, pelo menos, sete tiros na madrugada desta quarta-feira (15), na rua de Fátima, bairro Pedro Jerônimo, em Itabuna. De acordo com informações de uma pessoa que não quer ser identificada, pelo menos quatro homens desceram de um carro, bateu na porta de Rosimaria, Após ela abrir a porta, já foi recebida a tiros sem chance de defesa. 

De acordo com a mesma informante, um homem de prenome Piçarra, morador do Bairro Daniel Gomes também estava junto com os outros criminosos que não foram identificados até o momento. A vítima mantinha um pequeno bar em sua residência e, no último sábado, ela teria discutido com uma pessoa que teria feito alguns disparos de arma de fogo. 

Na ocasião, a polícia esteve no local, mas a mulher negou os disparos. Segundo populares, o local era frequentado por pessoas ligadas ao mundo do crime. Foi o 7° homicídio no mês de março, o 31° do ano de 2017 em Itabuna.

0 comentários:

Postar um comentário

Regras do site:


Não serão aceitos comentários que:

1. Sejam agressivos ou ofensivos, mesmo que de um comentarista para outro; ou contenham palavrões, insultos;

2. Não tenham relação com a nota publicada pelo Site.

Atenção: só serão disponibilizados no site os comentários que respeitarem as regras acima expostas.