quarta-feira, 26 de outubro de 2016

DENÚNCIA: Autoescolas não ofertam cursos para condutores de cinquentinhas

Apesar da determinação do Departamento Estadual de Trânsito (Detran-BA) para que as autoescolas ofereçam o curso de Autorização para Conduzir Ciclomotores (ACC), as chamadas “cinquentinhas”, as entidades ainda não abriram turmas para atender aos alunos tanto na capital como no interior. 
A norma começou a valer no dia 14 de outubro, para atender a obrigatoriedade da habilitação que será cobrada aos condutores a partir de 1º de novembro.O condutor de cinquentinha é considerado habilitado para dirigir por meio da ACC ou da habilitação tipo A, de acordo com o Detran.
O Sindicato das Autoescolas e Centros de Formação de Condutores do Estado (Sindauto - Bahia) alega, no entanto, que não consegue abrir turmas para oferecer o curso da ACC porque os alunos que procuram as empresas preferem pagar pela habilitação A, para motocicletas, que tem o custo semelhante ao de ACC. O presidente do Sindauto, Abelardo Filho, diz que a entidade, busca, junto com a Federação Nacional das Autoescolas e Centros de Formação de Condutores (Feneauto), solução para o impasse. Ele afirma que os empresários querem atender à exigência do Detran de oferecer o curso de ACC, mas pedem que o órgão permita que o curso teórico para cinquentinha possa ser oferecido junto com a turma da habilitação A, a fim de reduzir o custo para as autoescolas.

0 comentários:

Postar um comentário

Regras do site:


Não serão aceitos comentários que:

1. Sejam agressivos ou ofensivos, mesmo que de um comentarista para outro; ou contenham palavrões, insultos;

2. Não tenham relação com a nota publicada pelo Site.

Atenção: só serão disponibilizados no site os comentários que respeitarem as regras acima expostas.