segunda-feira, 9 de maio de 2016

MST invade fazenda de Michel Temer no interior de São Paulo

(Foto: Divulgação/ MST/ Agência Brasil)
(Foto: Divulgação/ MST/ Agência Brasil/ Montagem VN)
Redação VN
A fazenda do vice-presidente Michel Temer, no interior de São Paulo, foi ocupada na manhã desta segunda-feira (9) por integrantes do Movimento dos Trabalhadores Rurais Sem Terra (MST). Por meio de nota, o MST afirma que a motivação do ato é “denunciar conspirações golpistas” do peemedebista.Michel Temer, que pode assumir a Presidência nesta quarta-feira (11) caso seja confirmado o afastamento da governante Dilma Rousseff (PT), ainda não se manifestou sobre o assunto.Ainda segundo o movimento, não há registros de que a fazenda nas proximidades de Bauru – localizada entre os municípios de Duartina, Fernão, Gália e Lucianópolis –, esteja em nome de Temer, mas “é recorrente para os moradores da cidade a noção de quem é o verdadeiro dono da área”.Voltando ao âmbito de sua militância, o MST ainda pede pela reforma agrária no país e denuncia o cultivo de eucalipto na propriedade de 1.500 hectares, que de acordo com o jornal ‘O Estado de São Paulo, pertenceria à empresa Argeplan.

0 comentários:

Postar um comentário

Regras do site:


Não serão aceitos comentários que:

1. Sejam agressivos ou ofensivos, mesmo que de um comentarista para outro; ou contenham palavrões, insultos;

2. Não tenham relação com a nota publicada pelo Site.

Atenção: só serão disponibilizados no site os comentários que respeitarem as regras acima expostas.