segunda-feira, 2 de maio de 2016

CAMACAN:Reservatório de água da Embasa se rompe;de quem, é a culpa?

MEU DEUS.No dia  do trabalhador ( 1º), moradores das proximidades da barragem que abastece o município de Camacan, foram surpreendidos quando um reservatório de água da Empresa Baiana de Águas e Saneamento, (Embasa), que abastece o município de Camacan se rompeu. O local fica a 5 km da cidade na estrada que leva ao distrito de Jacareci. Depois do rompimento do barranco em uma das paredes do canal pelo lado de fora, um pequeno trator começou fazer alguns procedimentos a fim de amenizar o problema.
UMA PERGUNTA  ainda sem resposta, chama a atenção da população: Como o pode o canal de abastecimento se romper, se o volume de água nos últimos 6 meses é tão pequeno por causa da seca? O  reservatório de distribuição que se rompeu, ocasionou gerou grande volume de água suja com muita lama que por sua vez, foi lançada no rio Panelão. Com o rompimento, a capacidade de abastecimento da água da cidade, corre o risco de ficar comprometida, mais ainda não há informações por parte concessionária sobre esta tese.Um agravante é que a Embasa o  contrato fechado em 1992 no governo de Luciano José de Santana, venceu em 2012 e ainda não foi renovado com a prefeitura. A  empresa por sua vez, cobra da população pelo tratamento, mas esquece da manutenção aos reservatórios, serviços essenciais em suas bases de distribuição.  
 Um agravante é que a Embasa possue um  contrato fechado em 1992 no governo de Luciano José de Santana,que  venceu em 2012 e ainda não foi renovado com a prefeitura. A  empresa por sua vez, cobra da população pelo tratamento, mas esquece da manutenção aos reservatórios, serviços essenciais em suas bases de distribuição.   Ainda não há informações se o rompimento causou algum impacto ambiental  na natureza e quais os procedimentos poderão ser adotados diante deste episódio. A perícia também dirá qual a real responsabilidade da Embasa sobre o rompimento do reservatório.O que os nobres vereadores estão fazendo para cobrar responsabilidades e exigir adequação contratual???//??
Matéria com co-autoria do Tempo Jornalismo

0 comentários:

Postar um comentário

Regras do site:


Não serão aceitos comentários que:

1. Sejam agressivos ou ofensivos, mesmo que de um comentarista para outro; ou contenham palavrões, insultos;

2. Não tenham relação com a nota publicada pelo Site.

Atenção: só serão disponibilizados no site os comentários que respeitarem as regras acima expostas.