segunda-feira, 15 de fevereiro de 2016

CDL de Camacan faz audiência pública para barrar a presença de barracões que não pagam impostos e presidente da CDL lamentou pela ausência da maioria dos comerciantes na reunião

GEDSC DIGITAL CAMERA
O presidente da CDL Orlando Ribeiro, disse que é inadmissível que o comércio local venha sofrer um prejuízo deste tamanho. Fotos / O Tempo Jornalismo
A Câmara de dirigentes Lojistas de Camacan, realizou audiência pública na noite de sexta-feira (12), no plenário da Câmara de vereadores, para discutir a proteção do comércio local e tentar inibir a presença de vendedores de fora que montam barracões na cidade por meio de um simples alvará cedido pela prefeitura, onde vendem centenas de milhares de produtos e não arrecadam os devidos impostos, o que tem sido motivo de muitas reclamações por parte do segmento empresarial local.
GEDSC DIGITAL CAMERA
O presidente da Câmara de vereadores de Camacan Valdir Veloso, fez uso da palavra e disse que se reunirá com os demais edis, a fim de solucionar esta questão.
Orlando Ribeiro Presidente da CDL, disse que é inadmissível que isso venha acontecer, pois os estrangeiros trazem produtos que ninguém sabe a procedência, vendem a preço a baixo de tabela, atraindo a comunidade, que por sua vez deixa de gastar o dinheiro no comércio local, de pagar uma conta em uma loja ou supermercado, atraídos pela promoção barata. A instituição comercial pediu aos vereadores e ao poder executivo que tomem uma providência, objetivando barrar a entrada de tais comerciantes na cidade.
GEDSC DIGITAL CAMERA
Apesar das reivindicações poucos comerciantes compareceram à audiência
A prefeitura por meio do Secretário de gabinete Dominguinhos, se manifestou dizendo que não pode negar um alvará porque consta na lei orgânica do município, um artigo que não proíbe vendedores de fora vender seus produtos, mas talvez possa dificultar a entrada dos ambulantes na cidade.
GEDSC DIGITAL CAMERA
A prefeitura de Camacan mandou representantes para a audiência, que vai tentar dificultar a vinda dos forasteiros
O presidente da Câmara de vereadores de Camacan Valdir Veloso, fez uso da palavra e disse que se reunirá com os demais edis, a fim de solucionar esta questão. Apesar de alguns comerciantes terem reclamado muito ao presidente da CDL a presença dos barracões, os mesmos não compareceram a audiência, o que foi motivo de alguns questionamentos, não só pela diretoria da CDL, como das pessoas que estavam presentes no recinto.
GEDSC DIGITAL CAMERA
O delegado regional dos contadores, José Valmiro marcou presença apoiando a decisão da CDL  ..FONTE/ Agnaldo Santos-O tempo

0 comentários:

Postar um comentário

Regras do site:


Não serão aceitos comentários que:

1. Sejam agressivos ou ofensivos, mesmo que de um comentarista para outro; ou contenham palavrões, insultos;

2. Não tenham relação com a nota publicada pelo Site.

Atenção: só serão disponibilizados no site os comentários que respeitarem as regras acima expostas.