quarta-feira, 9 de dezembro de 2015

Areia ilegal: Polícia Federal prende 2 pessoas no interior da Bahia


FOTO ILUSTRATIVAFOTO ILUSTRATIVA
A Polícia Federal (PF) deflagrou, nesta quarta-feira, 9 de dezembro, no sudoeste baiano, a operação “Ampulheta”, prendendo duas pessoas.  A ação cumpriu ainda cinco mandados de busca e apreensão contra um grupo que explorava areia de forma ilegal em diferentes pontos do leito seco do rio Ribeirão do Poço, que fica entre Conquista e Anagé.
A areia era vendida para empresas do ramo de construção civil de Vitória da Conquista. Na casa de um dos detidos, a polícia encontrou talões de venda que remetiam a 2013.O delegado disse ainda que o grupo investigado já respondia por inquérito e processos administrativos contra a prática ilegal, mas continuava no comércio ilegal, com impacto no meio ambiente da região. Além da PF, participaram da operação agentes do Ministério Público Federal, Polícia Militar (78ª e 92ª Companhias Independentes), Ibama, Inema e prefeitura de Vitória da Conquista

0 comentários:

Postar um comentário

Regras do site:


Não serão aceitos comentários que:

1. Sejam agressivos ou ofensivos, mesmo que de um comentarista para outro; ou contenham palavrões, insultos;

2. Não tenham relação com a nota publicada pelo Site.

Atenção: só serão disponibilizados no site os comentários que respeitarem as regras acima expostas.