terça-feira, 17 de novembro de 2015

Veja 10 dicas infalíveis para se livrar das (malditas) muriçocas

Apesar de parecerem inofensivos, esses pequenos insetos carregam vírus e bactérias perigosas

Tchau, Muriçoca! E não volte nunca mais!
Tchau, Muriçoca! E não volte nunca mais!
Henrique Brinco
Uma simples noite de sono tem se tornado um período de tortura para boa parte dos moradores de Salvador nas últimas semanas. O motivo? As muriçocas. Com a chegada do verão e, consequentemente, de dias mais quentes, essa praga se torna uma ameaça ainda maior por conseguir se reproduzir com muito mais facilidade.
Apesar de parecerem inofensivos, esses pequenos insetos carregam vírus e bactérias perigosas. Ou seja, precisam ser exterminados da nossa casa. Pensando nisso, o Blog Paulo José listou 10 dicas para você combater a infestação na sua casa e poder voltar a ter uma noite de descanso sem essas “convidadas” indesejáveis. Veja abaixo:
  • 1 – Fechar janelas no fim da tarde

Os insetos normalmente começam a circular no fim da tarde e início da noite (entre 16h30 e 18h30). Então, neste período, é recomendável fechar portas e janelas.
  • 2 – Telas de proteção

Muita gente não gosta de usar telas de proteção nas janelas porque a instalação é trabalhosa e deixa um aspecto esteticamente desagradável. Por outro lado, o uso delas pode reduzir muito a entrada de insetos dentro de casa. Então, é preciso colocar na balança e levar em consideração que uma boa noite de sono é sempre mais importante. Ah, e tem gente que gosta de usar aqueles mosquiteiros em cima da cama. Eles são muito úteis, também.
  • 3 – Citronela

Os pernilongos não apreciam o cheiro da citronela. E você, claro, quer infernizar a vida deles, correto? Então, providencie já vasos da planta para a sua residência. Mas, se quiser praticidade, pode também utilizar a citronela em formas de incensos, velas e repelentes. Você é que sabe.
  • 4 – Repelentes de tomadas e em spray

São as duas formas mais comuns na luta contra os insetos. Entretanto, a prática oferece riscos para a saúde e precisa ser feita com cautela. O ideal é, depois de fechar as janelas e portas, disparar o spray no cômodo onde você vai dormir e sair do local por alguns minutos até o veneno fazer efeito e eliminar os bichos. E antes de dormir, é importante ventilar o espaço para retirar o cheiro forte.
  • 5 – Hortelã e Alho

Se você não gostar da citronela, pode substituir por outros produtos naturais, como a hortelã e o alho. No caso do segundo, aliás, a dica é esmagar e espalhar pelos cantos da casa.
  • 6 – Raquetes elétricas

Você já deve ter ouvido falar nas raquetes elétricas, certo? Elas não servem para jogar, mas fazem um belo churrasquinho com esses insetos insuportáveis. É uma ótima opção de divertimento, aliás.
  • 7 – Tapar os ralos e secar a pia

Os ralos servem para ter conexão direta com o esgoto e são uma ótima porta de entrada para pragas. Usar capinhas plásticas e tapetes são uma ótima opção para não ter surpresas desagradáveis. Também é importante manter a pia da cozinha seca e limpa para evitar infestações.
  • 8 – Ar condicionado e ventiladores

Muriçocas não gostam de frio e ficam instáveis quando recebem vento. Então, os dois são ótimas opções. Com o ar condicionado, aliás, é possível manter portas e janelas fechadas sem sentir calor. Mas, se você não tem, aquele velho ventilador já pode ajudar a esfriar o ambiente e desestabilizar o voo do inseto.
  • 9 – Não deixe água parada

Mesmo depois de tantas campanhas exaustivas contra o mosquito da dengue, ainda tem gente que teima em manter água parada em casa. É preciso combater essa prática, uma vez que os insetos encontram no local condições adequadas para colocar ovos.
  • 10 – Use repelente e troque sempre as armas de combate

Muriçocas são seres insuportáveis, mesmo. Depois de usar o repelente e o inseticida por muito tempo, os produtos podem passar a não fazer mais efeito. Portanto, é sempre bom variar as armas de combate listadas acima. Afinal, ninguém merece uma muriçoca mutante em casa.

0 comentários:

Postar um comentário

Regras do site:


Não serão aceitos comentários que:

1. Sejam agressivos ou ofensivos, mesmo que de um comentarista para outro; ou contenham palavrões, insultos;

2. Não tenham relação com a nota publicada pelo Site.

Atenção: só serão disponibilizados no site os comentários que respeitarem as regras acima expostas.