segunda-feira, 7 de setembro de 2015

Reforma política pode acabar com prazo para domicílio eleitoral

urna
O suspense de algumas candidaturas forasteiras ainda deve continuar. O Senado aprovou texto no contexto da reforma política que acaba com o prazo mínimo de um ano para candidato ter domicílio eleitoral comprovado. Se virar lei a tempo de alcanças as eleições do ano que vem, o suspense de muitos, vai durar até junho de 2016.
Fonte: Agência de Notícias

0 comentários:

Postar um comentário

Regras do site:


Não serão aceitos comentários que:

1. Sejam agressivos ou ofensivos, mesmo que de um comentarista para outro; ou contenham palavrões, insultos;

2. Não tenham relação com a nota publicada pelo Site.

Atenção: só serão disponibilizados no site os comentários que respeitarem as regras acima expostas.