domingo, 23 de agosto de 2015

Canavieiras: A falta de Merenda nas Escolas é Culpa de quem !?!

merenda
Segundo o prefeito a culpa é dos vereadores, já a secretária da educação, a culpa pela falta da merenda nas escolas, é dos membros dos conselhos municipais.
O prefeito de Canavieiras, Almir Melo, reclama da atitude antidemocrática e inconstitucional dos vereadores, que vêm agindo para inviabilizar o oferecimento dos serviços públicos municipais. O caso mais grave é a negativa na concessão de verbas de suplementação orçamentária para a administração pública, notadamente para o custeio das secretarias da Saúde e da Educação.
Informa o prefeito, que sua administração está impedida de prestar os serviços à população, a exemplo de servir a merenda escolar, por falta de dotação orçamentária. “Temos dinheiro em caixa e não podemos elaborar e publicar o edital de licitação para a aquisição da merenda escolar, por não termos a suplementação ao orçamento. Temos solicitado o remanejamento de verbas por rubrica e aumento da arrecadação aos vereadores e eles só concedem um valor ínfimo, com a finalidade de criar problemas para a administração e a população”, explica o prefeito.
Já para a secretária municipal da Educação, Emília Cristina Augusto dos Santos, os prejuízos à administração pública municipal de Canavieiras também ocorrem pela omissão de membros de alguns conselhos municipais, que não participam das reuniões e decisões, em sua maioria por terem orientação dos gestores passados. Um desses exemplos está patente no Conselho de Alimentação Escolar, que deixou de prestar contas desde o ano de 2011.
Para a secretária da Educação, a ação negligente e de desleixo dos membros do Conselho de Alimentação Escolar acarretou o bloqueio na transferência dos recursos para a aquisição dos mantimentos para a confecção da merenda dos alunos da rede municipal de ensino.
O Conselho de Alimentação Escolar é composto por cinco membros da comunidade e somente poderá se reunir e decidir qualquer prestação de contas com a presença mínima de quatro dos seus componentes, o que tem impedido de aprovar as contas.
Após as gestões empreendidas pela Prefeitura junto ao Fundo Nacional de Desenvolvimento Escolar (FNDE), as pendências do Conselho passaram a ser diligenciadas e o bloqueio se encontra em vias de ser extinto. De acordo com recomendações do FNDE, as primeiras providências serão a formação do novo Conselho e a introdução das informações no sistema de gerenciamento do Ministério da Educação, para análise e liberação.
FNDE
Pois é. Agora a culpa é dos vereadores e dos conselhos? Enquanto isto, as crianças que não tem nada a ver com estes irresponsáveis e incompetentes gestores e secretários, continuam sem Merenda!
Da redação ISTO É NOTÍCIA

0 comentários:

Postar um comentário

Regras do site:


Não serão aceitos comentários que:

1. Sejam agressivos ou ofensivos, mesmo que de um comentarista para outro; ou contenham palavrões, insultos;

2. Não tenham relação com a nota publicada pelo Site.

Atenção: só serão disponibilizados no site os comentários que respeitarem as regras acima expostas.