sábado, 19 de janeiro de 2019

Una: Ex-sindicalistas são condenados a 20 anos de prisão por golpe contra trabalhadores rurais


 A Justiça acatou pedido do Ministério Público estadual e condenou Natanael Fagundes dos Santos e Riosney Fagundes da Silva a 20 anos de prisão pelos crimes de estelionato, falsidade ideológica e peculato cometidos entre os anos de 2014 e 2016.
Foto: Montagem/Una News
Segundo a denúncia, oferecida pela promotora de Justiça Alícia Botelho, os condenados induziram pelo menos seis trabalhadores rurais aposentados ou pensionistas do município de Una,a maioria idosos,a tomarem empréstimos em agências financeiras, localizadas em Ilhéus e Itabuna, cujos recursos foram desviados em favor deles,num total aproximado de R$ 65 mil. A sentença foi proferida na sexta-feira,17. 
As fraudes foram cometidas via utilização da estrutura administrativa do Sindicato dos Trabalhadores Rurais de Una, onde Natanael e Riosney eram, respectivamente, presidente e secretário-geral. Eles agendavam e encaminhavam os documentos necessários à obtenção de benefícios previdenciários junto ao INSS,acompanhavam as vítimas até as agências bancárias indicadas pelo órgão para realizar os saques iniciais e,depois,induziam os trabalhadores a contrair empréstimos consignados junto às agências intermediárias Finec (Ilhéus) e Bahiacred (Itabuna). Segundo a denúncia,os condenados se apropriavam dos valores retroativos dos benefícios previdenciários,utilizando-se de empréstimos fraudulentos para ocultar a apropriação indevida, além de cobrarem pelo serviço para a concessão dos benefícios. 
Na sentença, o juiz Felipe Remonato afirmou que Natanael e Riosney “usavam da posição no Sindicato de Trabalhadores Rurais de Una para angariar vítimas, pessoas simples e na maioria das vezes analfabetas, para cometer diversos crimes,durante anos,de maneira covarde”. Conforme a promotora Alícia Botelho,a ação penal decorreu da Operação Bonsucesso, deflagrada pelo MP no dia 24 de julho de 2018 nas cidades de Ilhéus e Una, com o apoio da Polícia Civil e do Serviço de Inteligência da Secretaria de Segurança Pública.Na ocasião,os dois foram presos e realizadas buscas e apreensões em três residências e em uma agência correspondente bancária. As investigações contaram com o apoio da Coordenadoria de Inteligência e Segurança Institucional (CSI) do MP.
Fonte: Cecom/MP
SE VOCÊ tem alguma denúncia ou algo importante  e quer contar pra todos,colabore com a reportagem do BLOG PAULO JOSÉ e envie seu material para o e-mail: fvpaulojose@gmail.com
ADICIONE nosso WhatsApp 73 9 9941-557

0 comentários:

Postar um comentário

Regras do site:


Não serão aceitos comentários que:

1. Sejam agressivos ou ofensivos, mesmo que de um comentarista para outro; ou contenham palavrões, insultos;

2. Não tenham relação com a nota publicada pelo Site.

Atenção: só serão disponibilizados no site os comentários que respeitarem as regras acima expostas.