quarta-feira, 19 de dezembro de 2018

CCJ do Senado retoma proibição de indicações políticas


A manobra de deputados derrotados nas urnas não deu certo — por enquanto, pelo menos.A CCJ do Senado acaba de aprovar relatório de Antonio Anastasia que retoma a proibição de indicações políticas em estatais e agências reguladoras — algo que havia sido derrubado pela Câmara por meio de projeto que alterava a chamada Lei das Estatais.O texto agora vai para a Comissão de Fiscalização, antes de ser apreciado no plenário.Caso a proposta fosse mantida como veio da Câmara, parentes de ministros, dirigentes partidários ou legisladores poderiam participar do controle de estatais e agências reguladoras, assim como outras pessoas que tenham atuado na estrutura decisória de partido político ou em campanha eleitoral nos 36 meses anteriores à nomeação.
SE VOCÊ tem alguma denúncia ou algo importante  e quer contar pra todos,colabore com a reportagem do BLOG PAULO JOSÉ e envie seu material para o e-mail: fvpaulojose@gmail.com
ADICIONE nosso WhatsApp 73 9 9941-5577

0 comentários:

Postar um comentário

Regras do site:


Não serão aceitos comentários que:

1. Sejam agressivos ou ofensivos, mesmo que de um comentarista para outro; ou contenham palavrões, insultos;

2. Não tenham relação com a nota publicada pelo Site.

Atenção: só serão disponibilizados no site os comentários que respeitarem as regras acima expostas.