segunda-feira, 8 de outubro de 2018

Após 'Fraternos', filha de Robério Oliveira e Cláudia Oliveira fica fora da AL-BA


Alvos da Operação Fraterno, no final do ano passado, os prefeitos Robério Oliveira, de Eunápolis, e Claudia Oliveira, de Porto Seguro, não conseguiram eleger sua filha para a Assembleia Legislativa da Bahia.
     Foto Reprodução:Ativa FM                               
Larissa Oliveira, que se apresentava na propaganda do PSD, seu partido, como a renovação teve pouco mais de 38 mil votos. Além do pai e da mãe, Larissa tem o tio, o prefeito de Santa Cruz Cabrália, Agnelo Santos, também atrelado na apuração de desvios de verba. Deflagada pela PF,a Operação Fraterno apurou um suposto esquema de favorecimento de empresas de familiares dos prefeitos que simulavam licitações. Os contratos fraudados, segundo a PF, somam R$ 200 milhões.
CLIQUE AQUI E CURTA NOSSO BLOG NO FACEBOOK

0 comentários:

Postar um comentário

Regras do site:


Não serão aceitos comentários que:

1. Sejam agressivos ou ofensivos, mesmo que de um comentarista para outro; ou contenham palavrões, insultos;

2. Não tenham relação com a nota publicada pelo Site.

Atenção: só serão disponibilizados no site os comentários que respeitarem as regras acima expostas.