quinta-feira, 18 de maio de 2017

A situação se complica para o ex-prefeito de Itagimirim, Rogério Andrade

A situação do ex-prefeito de Itagimirim, Rogério Andrade tende a se complicar depois que a Polícia Civil, encontrou em sua residência, uma espingarda calibre 12, no momento em que foi detido para prestar esclarecimento da Delegacia de Eunápolis, por envolvimento em uma série de denúncias do Ministério Público.Com esse fato, o ex-prefeito ficou preso por porte ilegal de arma de fogo, sendo arbitrada uma fiança de R$ 90 mil, que até a noite de ontem, não havia sido paga.Além de Rogério, também ficou detido, o ex-secretário, Rilson Neris Miranda, depois que a polícia apreendeu com ele, munição de fuzil, calibre 762, de uso restrito.Como é de conhecimento público, a situação do ex-prefeito Rogério pode se complicar, uma vez que, além dessas denúncias, por roubo de bens e documentos públicos da prefeitura, de condutas de improbidade administrativa, o ex-gestor também é acusado de ter participado da morte do ex-prefeito Rielson Lima no dia 29 de julho de 2014.
Jackson Domiciano

0 comentários:

Postar um comentário

Regras do site:


Não serão aceitos comentários que:

1. Sejam agressivos ou ofensivos, mesmo que de um comentarista para outro; ou contenham palavrões, insultos;

2. Não tenham relação com a nota publicada pelo Site.

Atenção: só serão disponibilizados no site os comentários que respeitarem as regras acima expostas.