terça-feira, 1 de novembro de 2016

No Senado, vaquejada pode ser elevada à condição de manifestação cultural

A Comissão de Educação do Senado deu parecer favorável à proposta que reconhece a vaquejada e o rodeio como manifestação cultural nacional. O projeto é de autoria do deputado Capitão Augusto (PR-SP) e teve parecer escrito pelo senador baiano Otto Alencar (PSD).

Favorável à proposta, o senador Roberto Muniz (PP-BA) lembrou que as práticas da vaquejada e do rodeio são tradições regionais e a população urbana não pode desprezar a cultura da população rural. 
“A gente precisa ressaltar que o povo que não tem memória perde a essência como Nação. Não quer dizer que aqueles que praticam a vaquejada não querem fazer um aperfeiçoamento dessa atividade. Assim tem sido no dia a dia das vaquejadas. A gente precisa discutir o que é cuidar do bem-estar animal, sem negar a possibilidade de uma manifestação cultural”, destacou Muniz. 
Após aprovação na comissão, a matéria poderá ser votada com urgência em Plenário, após requerimento aprovado também na reunião de hoje.

0 comentários:

Postar um comentário

Regras do site:


Não serão aceitos comentários que:

1. Sejam agressivos ou ofensivos, mesmo que de um comentarista para outro; ou contenham palavrões, insultos;

2. Não tenham relação com a nota publicada pelo Site.

Atenção: só serão disponibilizados no site os comentários que respeitarem as regras acima expostas.