segunda-feira, 10 de outubro de 2016

LÍNGUA PORTUGUESA


“VENDA À PRAZO.” O leitor diz que leu isto na propaganda de um loja, e quer saber se cabe aí o sinal indicativo da crase. Decerto, não. O substantivo “prazo” é do gênero masculino (o prazo) e, por conta disso, não aceita o artigo “a”, do qual se conclui a impossibilidade do fenômeno da crase. No entanto, está certo “venda à vista”, sem levarem-se em conta as restrições da gramática pedagógica.É o que ensina o mestre de mestres, Said Ali. Fico-lhe à disposição.(Paulo Roberto)

0 comentários:

Postar um comentário

Regras do site:


Não serão aceitos comentários que:

1. Sejam agressivos ou ofensivos, mesmo que de um comentarista para outro; ou contenham palavrões, insultos;

2. Não tenham relação com a nota publicada pelo Site.

Atenção: só serão disponibilizados no site os comentários que respeitarem as regras acima expostas.