quarta-feira, 24 de fevereiro de 2016

Panela e pá nele!

A presidente Dilma deve ter sentido satisfação pessoal na noite de ontem, com a decisão que tomou de não gravar participação no programa de propaganda partidária do PT, que foi ao ar na noite de ontem em horário nobre na TV. Dilma, assim como todos os brasileiros, viu o PT ser alvo de um dos mais barulhentos e expressivos panelaços já ocorridos nas mais variadas cidades brasileiras, desde que se tornou modo a bateção de panela em protesto contra o governo e o Partido dos Trabalhadores. E Dilma ainda deve ter sido testemunha do aumento do volume das panelas principalmente quando o ex-presidente Lula apareceu no programa, se fazendo de vítima, como sempre, e aparecendo, mais uma vez, como o grande timoneiro, o homem mais honesto do mundo, o líder que redescobriu o Brasil em 2003. O PT e Lula ainda não entenderam que nem mesmo as classes mais pobres caem na conversa de que todos os problemas do País se resumem à vingança de uma elite aborrecida porque não quer andar de avião sentado ao lado de alguém do povão. Essa conversa mole de "nós" contra "eles" não cola mais.

0 comentários:

Postar um comentário

Regras do site:


Não serão aceitos comentários que:

1. Sejam agressivos ou ofensivos, mesmo que de um comentarista para outro; ou contenham palavrões, insultos;

2. Não tenham relação com a nota publicada pelo Site.

Atenção: só serão disponibilizados no site os comentários que respeitarem as regras acima expostas.