quarta-feira, 21 de outubro de 2015

EXCLUSIVO: FALSO MÉDICO PRESO EM ITORORÓ TAMBÉM ATUAVA EM JUSSARI

Suspeito é reincidente, já que em 2011 ele também foi acusado de exercer ilegalmente a profissão em Potiraguá.

A Polícia Civil da 21ª Coorpin identificou na manhã do dia 04 de setembro,atuando e atendendo no Hospital e Maternidade de Itororó como “falso médico” um homem identificado como Adriano César Caetano Veiga de 48 anos e natural da cidade de Feira de Santana.
Adriano foi autuado e conduzido à delegacia onde afirmou ao delegado titular Dr. Frank que é formado em Medicina pela Universidade Nacional Ecológica da Bolívia e apresentou uma xérox do suposto diploma do curso que o mesmo havia recebido no ano de 2012. Confirmou também que não possui registro do Cremeb e diz ter uma ação em fase de recurso com um pedido de inclusão do seu nome do programa do Governo Federal “Mais Médicos”.


No ano de 2011, Adriano foi acusado de exercer ilegalmente a função de médico na cidade de Potiraguá, como divulgou a imprensa local na época. Adriano atendia usando apenas o registro de matrícula da Universidade onde afirma ter se formado. O investigador de polícia civil Kléber Silva informou que Adriano admitiu de imediato no momento da abordagem não ter CRM. Adriano que atendia em Itororó há cerca de 1 ano entregou os carimbos que portava ao delegado e encontra-se a disposição da polícia.
A reportagem do Blog Paulo José,recebeu na tarde desta quarta-feira 21,de outubro,e-mail do vereador Narbal,da cidade sul baiana de JUSSARI,informando que na cidade,pessoas acusam o ''falso médico'' de ter trabalhado e cometido erros,que provavelmente levaram á morte de um bebê e da gestante FLAVIANA DE CASTRO MACIEL,41 anos.
O viúvo José Roberto Alves Maciel,em depoimento à polícia,disse que a esposa,fizera todos os exames de pré natal, e que nada foi constatado de anormal.De posse do boletim de ocorrência,José Roberto,disse que entrará na justiça contra o município de Jussari,e completou,'' não intendo como a secretaria de saúde,contratou um médico ,sem antes saber quem era ele e se era realmente médico''.
                                    BOLETIM DE OCORRÊNCIA 
                                      GUIA PARA SEPULTAMENTO
                                                   CERTIDÃO DE ÓBITO

0 comentários:

Postar um comentário

Regras do site:


Não serão aceitos comentários que:

1. Sejam agressivos ou ofensivos, mesmo que de um comentarista para outro; ou contenham palavrões, insultos;

2. Não tenham relação com a nota publicada pelo Site.

Atenção: só serão disponibilizados no site os comentários que respeitarem as regras acima expostas.