quarta-feira, 24 de outubro de 2018

Camacan:Praça do ''O'' é revitalizada após anos sem reparos


Conhecida como Praça do “O”, a Praça que leva o nome de um dos pioneiros de Camacan,João Vargens,filho de João Elias Ribeiro, desbravador da cidade e região, nascido em Canavieiras.O monumento em sua homenagem talvez pouco visto e apreciado pelas pessoas que passam despercebidas,tem uma enorme importância dentro da nossa história, até a sua emancipação.
Desde quando esse espaço foi construído,nunca foi pensado em fazer algo que chamasse à Atenção. Hoje é outra realidade,o local está mais valorizado e é considerado destaque turístico onde as pessoas já começam a tirar fotos, filmar e com isso, levam o nome da cidade que embora ainda com a crise do cacau, o fruto será eterno, retocado com as cores e o desenho que representa o nosso maior produto que tanto ajudou e continua contribuindo no progresso de nossa cidade,disse um assessor do prefeito.''O prefeito Oziel tem justificado o slogan que leva a sua administração que é Renovação e Trabalho e é justamente “Renovar” que se traz uma ideia tão simples e que faz a diferença.  Assim, da mesma forma, a pintura da nova Creche Aconchego que também é inevitável não chamar atenção de quem passa. Isso é Renovação.'',relatou a Ascom.




CLIQUE AQUI E CURTA NOSSO BLOG NO FACEBOOK

2 comentários:

  1. Muito bem meu caro Paulo José, parabéns pela matéria, aproveito para pedir ao nobre comunicador uma matéria sobre a HISTÓRIA DE CAMACAN, peço isso com a intenção de cortigir um equívoco postado em todas as páginas de Camacan, que abordam esse tema muito importante.
    Segundo as páginas eletrônicas, entre os anos 50 e 60, na luta pela emancipação de Camacan, houve uma resistência do então governador ACM em seu 1° governo. Só que na época o governador era Juracy Magalhães, ACM assumiu o 1° mandato como governador nomeado, 10 anos após a emancipação, na época ele era deputado federal pela UDN e um dos homens de confianca de Juscelino Kubitschek, eleito por Salvador e região metropolitana, logo não tinha qualquer influência na emancipação de Camacan. Conforme os editores das páginas que publicaram as matérias, As FONTES foram: IBGE, CÂMARA MUNICIPAL DE CAMACAN...
    Abracos, Antonio Santos.

    ResponderExcluir
  2. "Não se pode enganar a todos o tempo todo" - Abraham Lincoln

    https://www.gazetaonline.com.br/noticias/brasil/2018/10/laudo-sugere-automutilacao-ou-consentimento-de-jovem-marcada-com-suastica-1014153333.html

    ResponderExcluir

Regras do site:


Não serão aceitos comentários que:

1. Sejam agressivos ou ofensivos, mesmo que de um comentarista para outro; ou contenham palavrões, insultos;

2. Não tenham relação com a nota publicada pelo Site.

Atenção: só serão disponibilizados no site os comentários que respeitarem as regras acima expostas.