terça-feira, 8 de agosto de 2017

ILHÉUS: CÂMARA EXTINGUE MANDATO DE VEREADOR PRESO

A Câmara Municipal de Ilhéus extinguiu nesta terça-feira (08) o mandato do vereador Jamil (PP) por ultrapassar a licença de 120 dias que tinha pedido por problema pessoal.
Jamil está preso desde o dia 22 de março deste ano em virtude de uma prisão preventiva da operação Intitulada “Citrus”, a investigação começou em 2015, mas o grupo já atuava desde 2009. A suspeita é de que as empresas envolvidas tenham lucrado mais de R$ 20 milhões com as fraudes em licitações.

O presidente da câmara, Lukas Paiva(PSB), seguiu o parecer do setor jurídico da casa. Com isso o suplente Escuta (PP), será empossado definidamente como vereador.

0 comentários:

Postar um comentário

Regras do site:


Não serão aceitos comentários que:

1. Sejam agressivos ou ofensivos, mesmo que de um comentarista para outro; ou contenham palavrões, insultos;

2. Não tenham relação com a nota publicada pelo Site.

Atenção: só serão disponibilizados no site os comentários que respeitarem as regras acima expostas.