quinta-feira, 21 de fevereiro de 2019

Pedro Tavares defende reparação das injustiças contra os produtores de cacau


O deputado estadual Sandro Régis e o deputado federal Leur Lomanto Jr (DEM) vão abraçar a luta em torno do cacau e para que a região Sul da Bahia volte a ter destaque econômico.   
     Ascom deputado estadual Pedro Tavares
Em discurso,no plenário da Assembleia Legislativa da Bahia,o deputado estadual Pedro Tavares(DEM),levantou a bandeira em favor da valorização da lavoura cacaueira e da reparação das dívidas dos produtores de cacau no estado.Tavares lembrou o fracasso do plano governamental para recuperar a lavoura,após a disseminação da vassoura de bruxa.Ele citou os empréstimos concedidos aos produtores, que ao final se tornaram dívidas “humanamente impagáveis,sendo uma das maiores injustiças do mundo”, já que se tratava de uma questão de governo.Segundo o parlamentar,mais lideranças do seu partido,a exemplo do líder do DEM na Assembleia,deputado estadual Sandro Régis e o deputado federal Leur Lomanto Jr(DEM)vão abraçar a luta em torno do cacau e para que a região Sul da Bahia volte a ter destaque econômico.“Vamos lutar pela renegociação das dívidas,já que os produtores não têm culpa e não podem pagar por um erro que não é deles.A região cacaueira quer continuar gerando emprego e renda, plantando e produzindo o cacau,quer continuar preservando a Mata Atlântica.Não pedimos um favor,mas justiça por toda a contribuição que a região Sul do estado da Bahia deu ao país.Quero reafirmar o meu compromisso com a lavoura cacaueira.Vamos sensibilizar o governo federal mostrando a realidade da lavoura e que a região cacaueira merece uma atenção especial e que se corrija essa injustiça”,disse. Durante o pronunciamento,o parlamentar fez um histórico dos problemas financeiros que afetaram os produtores e o empobrecimento da região.Ele fez também um apelo para que mais lideranças políticas do estado se unam em torno dessa questão.
S E VOCÊ tem alguma denúncia ou algo importante  e quer contar pra todos,colabore com a reportagem do BLOG PAULO JOSÉ e envie seu material para o e-mail: fvpaulojose@gmail.com
ADICIONE nosso WhatsApp 73 9 9941-5577



0 comentários:

Postar um comentário

Regras do site:


Não serão aceitos comentários que:

1. Sejam agressivos ou ofensivos, mesmo que de um comentarista para outro; ou contenham palavrões, insultos;

2. Não tenham relação com a nota publicada pelo Site.

Atenção: só serão disponibilizados no site os comentários que respeitarem as regras acima expostas.