segunda-feira, 18 de dezembro de 2017

Santa Luzia:Escola que deveria ter uma quadra esportiva e horta comunitária tem matagal

O mato alto no entorno do Colégio Estadual Jorge Amado, localizado no centro de Santa Luzia, sul da Bahia, tem deixado os pais dos adolescentes que estudam na escola e os moradores da região preocupados. De acordo com a população, o cenário facilita a presença de assaltantes e usuários de drogas, que se escondem no matagal, além de atrair animais peçonhentos.
A moradora Marta Maria, 42, contou que até cobra já foi vista na frente do colégio. Ela também destacou que há muitos andarilhos em volta do muro da escola, o que causa muito medo. “Eu acho um perigo e sem proteção, parece escola abandonada , relatou.No Colégio JM, o mato alto fica na área interna da unidade,principalmente no fundo.“Os alunos reclamam porque fica muito ruim para andar em meio ao mato. Deveria ter uma quadra poliesportiva ”, disse a dona de casa Luciana Silva, 32.
O mesmo cenário foi visto no lado da unidade educacional.Além da quadra de esportes,pode-se também ,incentivar o plantio de árvores frutíferas e horta,que poderiam servir para enriquecer a merenda escolar e distribuir também para as demais unidades e,entre as pessoas envolvidas no projeto de plantio e cuidados.

0 comentários:

Postar um comentário

Regras do site:


Não serão aceitos comentários que:

1. Sejam agressivos ou ofensivos, mesmo que de um comentarista para outro; ou contenham palavrões, insultos;

2. Não tenham relação com a nota publicada pelo Site.

Atenção: só serão disponibilizados no site os comentários que respeitarem as regras acima expostas.