domingo, 23 de julho de 2017

LÍNGUA PORTUGUESA

“ESTIMO EM VÊ-LA FELIZ.” A leitora quer saber se a regência está correta. Sem dúvida, não. O verbo “estimar”, no sentido de “alegrar-se, folgar”, não se usa com a preposição “em”: Estimo vê-la feliz. Estimaria saber noticias suas. No caso, é transitivo direto. Pede, pois, objeto direto. Já no sentido de calcular o valor de alguma coisa, exige a preposição “em”: Estimo essa casa em 200 mil reais. Complemento indireto. E só verificar o sentido em que é empregado. (Paulo Roberto – jornalista e professor)

0 comentários:

Postar um comentário

Regras do site:


Não serão aceitos comentários que:

1. Sejam agressivos ou ofensivos, mesmo que de um comentarista para outro; ou contenham palavrões, insultos;

2. Não tenham relação com a nota publicada pelo Site.

Atenção: só serão disponibilizados no site os comentários que respeitarem as regras acima expostas.