sexta-feira, 17 de junho de 2016

UTILAR DO SARAMPO:Saiba os procedimentos corretos para socorrer vítimas de queimadura no São João

Hospital Geral do Estado (HGE) é referência no tratamento de queimados(Foto: Mateus Pereira/ GOV Bahia)

Hospital Geral do Estado (HGE) é referência no tratamento de queimados (Foto: Mateus Pereira/ GOV Bahia)
Vinícius Nunes
O período de São João é de muitos festejos na Bahia. Festas, danças, comidas típicas, fogos e brincadeiras são algumas das atrações da época, porém, o cuidado não pode ser deixado de lado. Soltar bombas, fogos de artifício ou até mesmo brincar com as famosas espadas são formas de divertimento que trazem o risco de queimaduras. Consultamos especialistas para saber os cuidados e tratamentos adequados em caso de acidente com explosivos.
Segundo dados da Secretaria de Saúde da Bahia (Sesab), somente em 2015, no período entre os dias 20 a 28 de junho, foram 113 pessoas queimadas durante o período junino – sendo que 55 delas foram resultadas de explosão de bomba. Já no período entre os dias 25 e 28, deste mesmo ano, foram 14 casos envolvendo explosões de bomba e 36 casos de queimaduras diversas – sendo 10 desses casos foram por causa da festa de São João.
Hospital Geral do Estado é referência no tratamento de queimados(Foto: Mateus Pereira/GOVBA)
Hospital Geral do Estado é referência no tratamento de queimados(Foto: Mateus Pereira/GOVBA)
Para o tratamento de casos mais sérios de queimaduras, ainda de acordo com as informações da Secretaria de Saúde da Bahia (Sesab), é recomendado que a pessoa seja levada para o Hospital Geral do Estado, referência no atendimento destas ocorrências na Bahia.
O Corpo de Bombeiros da Bahia traz alguns cuidados para evitar acidentes durante os festejos:

Não se deve soltar fogos de artifício clandestinos;
  • Não soltar bombas ou fogos de artifício em ambientes fechados,  perto de janelas ou em vias públicas;

  • Supervisionar as crianças e optar por fogos mais inofensivos como os ‘traques de massa’ e ‘chuvinhas'”, recomenda o órgão.

Em caso de acidentes com queimaduras, os Bombeiros também fazem as suas recomendações de como agir nestas situações:
  • Não passar produtos como pomadas, óleos, pasta dental ou receita caseira nos pontos atingidos;

  • Não estourar bolhas causadas por queimadura;

  • Evitar passar tecidos ou algodão no ferimento, pois eles podem grudar nele;

  • Não tirar a roupa que esteja usando no momento do acidente;

  • Objetos como pulseiras e anéis devem ser retirados, pois o corpo acaba inchando devido as queimaduras e eles podem ficar presos;

  • Caso a lesão seja na mão ou no braço, o membro deve ser elevado para diminuir a hemorragia, e claro, o paciente deve ser encaminhado para o hospital mais próximo.

O especialista em queimaduras do Hapvida, o Dr. Lauro D’ávila Silveira Barreto, afirma que objetos como fogos não devem ficar ao alcance de crianças e que a pessoa que sofrer alguma queimadura deve ser levada para o hospital de imediato, porém, ele fala de alguns procedimentos que devem ser tomados para amenizar a situação da vítima. “Evitar passar qualquer tipo de produto no local, não passar pasta de dente ou borra de café, não lavar (o ferimento) com água gelada, e sim, com água corrente em temperatura ambiente”, afirmou o médico.

0 comentários:

Postar um comentário

Regras do site:


Não serão aceitos comentários que:

1. Sejam agressivos ou ofensivos, mesmo que de um comentarista para outro; ou contenham palavrões, insultos;

2. Não tenham relação com a nota publicada pelo Site.

Atenção: só serão disponibilizados no site os comentários que respeitarem as regras acima expostas.