segunda-feira, 22 de outubro de 2018

TCM condena mais dois ex-prefeitos


O Tribunal de Contas dos Municípios, na quinta-feira, rejeitou as contas das prefeituras de Itagibá, de Marcos Valério Barreto, relativas a 2016; e de Wenceslau Guimarães, do mesmo exercício fiscal, sob a responsabilidade de Nestor Vicente dos Santos. 

Entre as irregularidades, o relator Mário Negromonte destacou que o ex-prefeito Marquinhos não deixou em caixa saldo suficiente para pagamento dos restos a pagar, descumprindo o disposto no artigo 42 Lei de Responsabilidade Fiscal. Foi enviada representação ao Ministério Público Estadual para que seja apurada a prática de ato ilícito.O ex-prefeito terá que devolver ao município cerca de R$ 4.9 milhões e ainda foi punido com duas multas. A primeira, de R$ 40 mil, pelas irregularidades apuradas durante a análise técnica das contas. A segunda, de R$ 23.040, ou 12% dos seus subsídios anuais, pela não redução da despesa com pessoal.Ao ex-prefeito de Itagibá foi aplicada uma multa de R$ 21.600, devido ao desrespeito ao limite de despesa com pessoal. A quantia equivale a 12% dos vencimentos anuais. Além disso, foi aplicada outra multa de R$ 15 mil pelas demais irregularidades. E o ressarcimento de R$ 72.653,68. Cabe recurso.
CLIQUE AQUI E CURTA NOSSO BLOG NO FACEBOOK

0 comentários:

Postar um comentário

Regras do site:


Não serão aceitos comentários que:

1. Sejam agressivos ou ofensivos, mesmo que de um comentarista para outro; ou contenham palavrões, insultos;

2. Não tenham relação com a nota publicada pelo Site.

Atenção: só serão disponibilizados no site os comentários que respeitarem as regras acima expostas.