domingo, 11 de março de 2018

Assalto em Eunápolis teria sido 1º grande assalto comandado pelo PCC na Bahia, diz jornal


A organização criminosa PCC (Primeiro Comando da Capital) teria escolhido Eunápolis, no extremo sul, para realizar (com sucesso) seu 1º grande assalto na Bahia, no ataque a empresa de transporte de valores Prosegur. É o que apontam informações da cúpula da Secretaria da Segurança Pública (SSP), segundo a coluna Satélite, do jornal Correio. 

A coluna diz que a SSP já teria identificado indícios de que a autoria do assalto na terça (6) pode ser do PCC, não só pelo modus operandi, como pelo tipo de munição utilizado pelos bandidos. A coluna informa ainda que o envolvimento do PCC foi revelado por fontes do Departamento de Repressão e Combate ao Crime Organizado (Draco), unidade da Polícia Civil que concentra as investigações sobre o caso. 
Além do modus operandi típico dos assaltos cinematográficos orquestrados pelo PCC, uma série de indícios ligaria a facção paulista à ação que aterrorizou a população eunapolitana. 
MUNIÇÃO TÍPICA DO PCC 
Logo após o ataque, investigadores recolheram várias cápsulas de Lapua ponto 338 Magnum, calibre fabricado para fuzis de precisão. Feita artesanalmente e vendida por cerca de R$ 100 cada, a munição é a preferida dos atiradores de elite do PCC. O uso de carros blindados e de carga de explosivos em pranchas de madeira, outra marca da facção, também reforçaram as suspeitas. 
Embora os detalhes sobre a autoria do ataque à Prosegur sejam mantidos em sigilo pela SSP, ainda segundo a coluna Satélite, fontes da Draco garantem que a ação teria sido ordenada por chefões do PCC e organizada por criminosos que integram o núcleo central da facção em São Paulo, sem qualquer elo com as quadrilhas do chamado Novo Cangaço. 
Caso a tese se confirme, para investigadores da Polícia Civil com experiência em roubos a banco e a empresas de transportes de valores, é a primeira vez que o PCC comanda diretamente um assalto de grande magnitude na Bahia. Azar de Eunápolis.

Um comentário:

  1. Mentira. Em abril de 2016 teve um assalto a Prosegur em Barreiras BA, mesmo modus operanti que o assalto em eunapolis e como os outros 11 que aconteceu no Brasil e no Paraguai. Eu tenho conteudos de todos esses 11 assaltos a transportadora de valores.Todos feito pelo PCC. Pode ter certeza que a unica coisa que muda nos assaltos é o ENDERECO. sempre fecham as rodovias, incendeiam carros, jogam miguelitos, sempre chegam em comboio em carros de luxo, todos assaltantes de preto colete e capacete usando fuzis e ponto 50. So muda o endereco e as empresas. (PROSEGUR, PROTEGE, BRINKS, RODOBAN)

    ResponderExcluir

Regras do site:


Não serão aceitos comentários que:

1. Sejam agressivos ou ofensivos, mesmo que de um comentarista para outro; ou contenham palavrões, insultos;

2. Não tenham relação com a nota publicada pelo Site.

Atenção: só serão disponibilizados no site os comentários que respeitarem as regras acima expostas.