terça-feira, 5 de dezembro de 2017

URGENTE: TSE TAMBÉM LIVRA BOLSONARO

Por 5 a 2, o TSE também absolveu Jair Bolsonaro da acusação de fazer campanha antecipada.

Napoleão Maia, relator, votou pela rejeição da representação do Ministério Público Eleitoral. Ele foi seguido por Admar Gonzaga, Tarcício Vieira, Jorge Mussi e Luiz Fux.

0 comentários:

Postar um comentário

Regras do site:


Não serão aceitos comentários que:

1. Sejam agressivos ou ofensivos, mesmo que de um comentarista para outro; ou contenham palavrões, insultos;

2. Não tenham relação com a nota publicada pelo Site.

Atenção: só serão disponibilizados no site os comentários que respeitarem as regras acima expostas.