quinta-feira, 16 de março de 2017

NO ÚLTIMO SÁBADO,11 DE MARÇO DR. FREDERICO BORGES, DRª TÂNIA MARIA E O BIÓLOGO FRANSÉRGIO MOREIRA PARTICIPARAM DA CRIAÇÃO DA CERCATLÂNTICA.

11 de Março de 2017. Um dia para ficar na História da Bahia, do Brasil e da América do Sul.

Foto Oficial da criação da Cooperação CERCATLÂNTICA
Fonte: ASCOM CERCATLÂNTICA
No dia 11 de Março de 2017, no Centro Cultural Camillo de Jesus Lima, na Cidade de Vitória da Conquista – Bahia, foi criada a Cooperação CERCATLÂNTICA. Um Movimento de Instituições e Pessoas de atuação ambiental nos três Biomas do Estado da Bahia (Cerrado – Caatinga – Mata Atlântica). Dentre as instituições, estiveram presentes a Fundação Mundo Lindo, o Instituto Águas Nascentes, o Instituto Chico Mendes, a Fundação Casa dos Carneiros, o Núcleo de Permacultura do Bem – Nupebem, o Instituto Mata de Cipó, a Superintendência de Proteção e Defesa Civil do Estado da Bahia – Sudec, a Rede de Cooperativas Vale do Rio Gavião, a COOPERSUBA - Cooperativa de Trabalho da Região Sudoeste da Bahia, a CEDASB – Centro de Convivência e Desenvolvimento Agroecológico do Sudoeste da Bahia, representantes do Território de Identidade do Sudoeste Baiano, além de funcionários do INEMA, que mesmo trabalhando em um Órgão Ambiental do Estado, percebe a necessidade de dedicar, para além do trabalho oficial, mais tempo às causas ambientais.
A Cooperação irá realizar um levantamento sobre a situação ambiental dos três Biomas para a construção de uma cartilha destacando os principais problemas ambientais existentes e massificar essas informações nas escolas e em Audiências Públicas em todos os Municípios do Estado da Bahia, para que possamos fazer um debate sincero com toda a população baiana.
Um dos principais consensos construídos durante a reunião foi o da necessidade de união de todos os movimentos ambientalistas do país, para que possamos deixar para as futuras gerações, um ambiente equilibrado por inteiro. Por enquanto, o grupo se norteia inicialmente em três questões de extrema importância, segundo os participantes: A questão da Água, dos Resíduos Sólidos e das Queimadas. Os Cooperandos agora vão à busca de oficializar juridicamente a Cooperação CERCATLÂNTICA, para que a mesma se concretize e tenha legitimidade política sobre as questões Ambientais na Bahia, no Brasil e na América do Sul. Pois a Mata Atlântica não se restringe ao território brasileiro.
Após todas as discussões, o grupo presente elegeu uma diretoria para dar celeridade às demandas levantadas e para coordenar e delegar funções decorrentes dos trabalhos realizados pela Cooperação. A composição da diretoria da Cooperação CERCATLÂNTICA ficou constituída da seguinte forma. Presidente: Frederico Manoel Borges de Barros, Coordenador do Instituto Águas Nascentes; Vice Presidente: Marciel Viana, representante da Fundação Mundo Lindo; Conselho Fiscal: Deusdete Souza Santiago, Gabriela Gonçalves de Novaes, Regina Dantas de Carvalho, Jacqueline Sicupira Rodrigues; Primeira Secretária: Milena Mendes de Souza; Segundo Secretário: Durval Nunes; Primeira Tesoureira: Maria Cleusa Couto; Segundo Tesoureiro: Carlos Alberto Souza Santiago. Ficou decidido, por fim, que a próxima reunião da Cooperação CERCATLÂNTICA será da sede do Instituto Águas Nascentes, em Camacan, na segunda quinzena de junho.

Após o término da reunião foi plantada uma muda de Xixá. Que mesmo sendo espécie nativa  do Cerrado é comum encontrá-la nos três Biomas do Estado da Bahia. Dessa forma, a Árvore plantada dentro do Centro Cultural, simboliza a união dos três Biomas, fonte de inspiração da Cooperação CERCATLÂNTICA.

Um comentário:

  1. Paulo José - A Cooperação Cercatlântica agradece a divulgação que você tem dado às questões ambientais que afligem a todos que se preocupam com o futuro do nosso planeta. A Natureza agradece e quer vê-lo envolvido na luta comum por um mundo melhor. Participe da Cercatlântica. Não deixe a fonte secar!

    ResponderExcluir

Regras do site:


Não serão aceitos comentários que:

1. Sejam agressivos ou ofensivos, mesmo que de um comentarista para outro; ou contenham palavrões, insultos;

2. Não tenham relação com a nota publicada pelo Site.

Atenção: só serão disponibilizados no site os comentários que respeitarem as regras acima expostas.