quinta-feira, 27 de agosto de 2015

O que foi assinado por “Nunes” tem legalidade?

itabebi
“Florivaldo da Silva Nunes” foi vereador, ex-presidente da Câmara e estava como secretário municipal de Administração de Itapebi. A prisão dele na sexta-feira (21), por se passar pelo irmão falecido há mais de 20 anos, traz um problema grave institucional para o município e a sociedade.
Todos os documentos assinados por “Nunes”, em tese, não têm legalidade, inclusive os atos e atas da Câmara Municipal de quando era vereador e chefe do Legislativo local. O alcance do estrago que uma situação como essa pode causar é imensurável.
São 20 anos se passando pelo irmão, morto. E esse morto-vivo abriu contas correntes, assinou cheques, fez cartões de crédito, recebeu salários, comprou, vendeu, votou, foi votado, foi nomeado. Assinou decretos e leis municipais. Tudo agora vai pra debaixo da terra enterrado com a descoberta da polícia de que ele se passava pelo irmão. É um caso de repercussão nacional. E de difícil desfecho.
 Fonte: Itapebi Notícias

0 comentários:

Postar um comentário

Regras do site:


Não serão aceitos comentários que:

1. Sejam agressivos ou ofensivos, mesmo que de um comentarista para outro; ou contenham palavrões, insultos;

2. Não tenham relação com a nota publicada pelo Site.

Atenção: só serão disponibilizados no site os comentários que respeitarem as regras acima expostas.