quinta-feira, 27 de agosto de 2015

Americano é condenado a mais 3 mil anos de prisão por mortes em cinema

O americano James Holmes, 28 anos, foi condenado a mais 3.318 anos de prisão por 70 tentativas de homicídio e posse de explosivos. Holmes já havia sido condenado à 12 prisões perpétuas pelo assassinato de 12 pessoas no dia 20 de julho de 2012, quando invadiu uma sala de cinema durante a estreia do filme Batman: O cavaleiro das Trevas Ressurge.
Holmes invadiu o cinema na cidade de Aurora, no estado do Colorado, com uma mascara e atirou contra a plateia, deixando 12 mortos e 59 pessoas feridas.
“O réu não merece qualquer empatia” e por esta razão a corte impõe a sentença máxima permitida pela lei”, disse o juiz Carlos A. Samour Jr. Após anunciar a sentença, o juíz foi aplaudido pelas pelos sobreviventes, e parentes das vítimas que assistiam a sessão.
O réu foi condenado à prisão perpétua, ao invés da pena de morte, como havia pedido a promotoria. Segundo a acusação, 11 jurados pediram a pena de morte, no entanto, um optou pela prisão perpétua. De acordo com as leis do Colorado, a pena de morte só pode ser aplicada quando há unanimidade entre os jurados. O advogado de defesa de Holmes não irá recorrer da sentença.
Correio

0 comentários:

Postar um comentário

Regras do site:


Não serão aceitos comentários que:

1. Sejam agressivos ou ofensivos, mesmo que de um comentarista para outro; ou contenham palavrões, insultos;

2. Não tenham relação com a nota publicada pelo Site.

Atenção: só serão disponibilizados no site os comentários que respeitarem as regras acima expostas.