quinta-feira, 30 de julho de 2015

Governadores e Dilma hoje








Os governadores vão nesta quinta-feira a Brasília para a reunião com Dilma Rousseff com um pé atrás. O convite oficial fala em discutir "governabilidade", algo que oposicionistas não topam. "O ideal seria que a palavra pacto ficasse de fora", diz um aliado. Também incomoda a sensação de que a presidente irá usar o risco de efeito-cascata para empurrar para eles a responsabilidade de desarmar a pauta-bomba do Congresso, algo que, acreditam, é missão do governo federal.
Governadores que conversaram nesta quarta-feira manifestaram temor de que se repita a cena de 2013, quando, após os protestos, Dilma os chamou a Brasília para, nas palavras de um deles, assistirem a "um discurso sem pé nem cabeça".O gabinete presidencial não informou aos representantes dos Estados quem participará do encontro nem quem falará.Outra possibilidade que constrange mesmo governistas é a de Dilma querer pedir apoio para aprovar suas contas de 2014 caso o TCU recomende a rejeição.(Da Folha de S.Paulo)

0 comentários:

Postar um comentário

Regras do site:


Não serão aceitos comentários que:

1. Sejam agressivos ou ofensivos, mesmo que de um comentarista para outro; ou contenham palavrões, insultos;

2. Não tenham relação com a nota publicada pelo Site.

Atenção: só serão disponibilizados no site os comentários que respeitarem as regras acima expostas.